Conheça os benefícios dos Frutos do Mar

- 22 de dezembro de 2014

Em época de verão e de praia, os peixes e os frutos do mar começam a aparecer com mais frequência no cardápio, né? E não há quem resista a uma boa peixada ou a um camarãozinho… A boa notícia é que, além de serem ótimos para uma vida saudável, eles são grandes aliados para quem quer perder peso.

Em primeiro lugar, os frutos do mar fazem bem para o nosso coração. Isso porque são ricos em ômega 3, um tipo de ácido graxo que aumenta o colesterol bom (HDL), reduz o ruim (LDL), diminui o índice de triglicérides e a pressão sanguínea, protegendo contra a aterosclerose, o infarto e o derrame, além de fazer uma limpeza geral nas artérias.

Eles também são ótimas fontes de proteína e de minerais como cálcio, magnésio, fósforo e selênio. Quer mais? Então, aqui vão mais alguns motivos para você inserir de vez esses alimentos na sua dieta e aproveitar o melhor das delícias do mar.

 

6325-01

 

PEIXES

Privilegie o consumo de peixes de água fria, tais como salmão, sardinha e atum, por serem ricos em ômega 3. A sardinha também contém vitamina D, que ajuda na preservação da saúde óssea. Prefira sempre as versões cozidas e grelhadas, que possuem poucas calorias quando comparados à carne vermelha. Além disso, quando frito, ele se transforma em uma comida gordurosa e deixa de fazer tão bem para o cérebro e para o coração.

LAGOSTA

A lagosta é uma boa fonte de sais minerais, como o iodo, que ajuda a regular o metabolismo, protege a glândula tireoide e evita a queda de cabelos. Ela também contém menos colesterol, calorias e gorduras saturadas do que as próprias carnes magras, sendo, portanto, uma proteína saudável. Evite cozinha-la com molhos e cremes, para que ela continue pouco calórica.

CAMARÃO

Além de ser delicioso, o camarão é rico em glicosamina, que ajuda no combate à atrite e à artrose, já que reduz a velocidade do processo de desgaste. Ele também é uma boa fonte de selênio, que neutraliza os efeitos ruins dos radicais livres, principal causa de câncer. Lembre-se, no entanto, de não abusar: o camarão possui, em sua composição, mais de 30% de gordura saturada e colesterol. Prefira as versões cozidas ou assadas no forno.

OSTRAS

As ostras são fontes importantes de nutrientes como o zinco, que reforça a imunidade e estimula a libido. Além disso, as ostras são ricas em vários outros nutrientes, como vitamina E e vitamina B12, mas com uma quantidade baixa de calorias em relação ao volume da porção, já que uma porção com 100 gramas de ostras contém, aproximadamente, 140 calorias.

TwitterFacebook