Treine sem erros

- 21 de outubro de 2015

13604-01

Para manter-se com tudo em cima é preciso entender que algumas decisões tomadas por conta própria podem prejudicar o seu treino. O acompanhamento de um profissional é indispensável para que você não acabe se machucando ou para que o seu treino realmente tenha o efeito esperado. Vamos descobrir quais treinos realizados por conta própria não te deixam com tudo em cima:

Apenas aeróbicos para perder peso

Todo mundo sabe que caminhadas e pedaladas queimam muitas calorias, mas se o seu foco é reduzir a gordura corporal, é preciso combinar esses exercícios com outros exercícios de força. A ginástica com pesos também é importante para ajudar a tonificar os músculos e evitar a flacidez.

Treinos muito longos

A intensidade do treino conta muito mais do que o tempo que se passa realizando-o. Mais vale investir em um treino que dure 30 minutos de forma intensa, do que perder horas em um treino muito leve. Em treinos curtos, o metabolismo fica mais acelerado, já que o esforço é maior e o corpo não consegue tempo para se acostumar ao estímulo recebido.

Deixar o aquecimento de lado

Começar o treino intenso sem antes ter aquecido os músculos e ligamentos pode ser muito prejudicial à saúde! O aquecimento eleva a temperatura corporal, os batimentos cardíacos e prepara o corpo que estava em repouso, para o esforço que virá.

TwitterFacebook